Carregando...
Rio das Ostras

Rio das Ostras: Câmara decide investigar prefeito e empresa por suposto esquema de fraude em licitação de quase R$2 milhões

Nesta quarta-feira, 3, por unanimidade, os 13 vereadores de Rio das Ostras decidiram pela criação de uma Comissão Especial Processante (CEP) para investigar denúncias envolvendo o prefeito, Marcelino Borba (PV), e o contrato da empresa RG Planejamento e Sistema, que atua na Secretaria de Saúde do município.   

De acordo com documento de quase 120 páginas, lido em plenário pelo autor do pedido de instauração da CEP, Marciel Nascimento (PL), há indícios de fraude em licitação, além de contratação irregular de empresa e improbidade administrativa.

No total, a empresa – que atuou na área de tecnologia da informação da Secretaria de Saúde – venceu o certame de R$ 1,9 milhão.

%d blogueiros gostam disto: