Macaé: Léo Gomes acelera na estratégia de derrubar Thalles para assumir a vaga de vice na chapa governista

Com o sonho de conquistar algum cargo eletivo no município incubado há anos, o secretário de Relações Institucionais, Léo Gomes, não vem medindo esforços nos últimos dias para derrubar o secretário de Cultura, Thales Coutinho, da vaga de vice na futura chapa do Governo encabeçada por Guto Garcia (PSDB).

O moço, que tem grande rejeição na Câmara e dentro do próprio Governo, publicamente diz que vai tentar uma vaga no Legislativo, mas age para minar Thales e garantir espaço ao lado de Guto. Aliás, no Twitter, ele sugere algumas propostas que cabem apenas ao Executivo numa grande demonstração de desconhecimento ou tentativa explícita de confundir as pessoas.

Contudo, Léo deu mais um passo hoje, 11, na direção de seu objetivo de ser vice de Guto, já que tem medido que seu desempenho para a Câmara até aqui está pífio e quer fugir do teste das urnas: matéria de capa do jornal O Debate traz alusão a três possíveis chapas majoritárias e, ao lado do secretário de Educação, quem aparece na foto é o secretário de Relações Institucionais – e não Thales.

Vale lembrar que Marcio Siqueira, assessor de imprensa do gabinete do prefeito, Dr. Aluízio (PSDB), e que se tornou fiel escudeiro de Léo Gomes, foi editor de O Debate por alguns anos e ainda exerce influência sobre a redação do jornal em favor do Governo.

Deixe uma resposta