Macaé: Igor prefere não comentar notícia de acordo entre Marcel e Chico, mas chama acusações sobre filiações de ‘descabidas’

Nas primeiras horas da manhã desta terça-feira, 13, o secretário de Desenvolvimento Econômico de Maricá, Igor Sardinha, respondeu aos contatos feitos pelo Blog ontem a respeito das declarações de Marcel Silvano (PT) e do secretário de Finanças do partido em Macaé, Magnum Castro, que acusam o ex-vereador de cometer fraude em mais de 300 filiações à legenda.

Igor, sobre a notícia dada pelo Blog acerca da informação de uma aliança entre Marcel e o deputado, Chico Machado (PSD), se limitou a dizer que preferia ‘não tecer comentários’. Contudo, sobre os ataques referentes às filiações, o secretário de Fabiano Horta (PT) garante que as alegações não param em pé.

“São tão descabidas que foram prontamente rejeitadas pelas executivas Estadual e Nacional do partido, sem que eu nem precisasse apresentar defesa”, informa Igor, que fez questão ainda de comentar o que foi combinado em reunião da direção do partido e que Marcel, apesar de citar, não explicou.

“Reafirmei tudo o que disse na plenária da nossa chapa ocorrida no último sábado. Acredito que temos condição de liderar o campo progressista da cidade através de uma candidatura própria onde meu nome está à disposição para avaliação”, admite Sardinha sobre a disputa eleitoral de 2020.

Mas, o ex-vereador foi além e rebateu os posicionamentos de Marcel e Magnum. “Obviamente, que para que tudo corra bem temos o desafio de trabalharmos pela harmonia dentro do partido. Até mesmo por isso não considerarei o destempero verbal de alguns”, disparou.

Deixe uma resposta