Carregando...
Sem categoria

Macaé: festa de confraternização da Procuradoria acaba em acusação de assédio sexual e denúncia na delegacia e MP

Fontes do Blog informaram que a festa de confraternização da Procuradoria do Município foi palco de um suposto crime de assédio sexual entre colegas de trabalho. O caso teria ocorrido na semana passada quando uma servidora pública teria sido vítima de um advogado que é seu colega de trabalho. 

O procurador, conhecido na cidade, teria usado palavras promíscuas e tido comportamento alterado contra a vítima – também procuradora. Revoltada com a situação, a base de remédio controlado e em tratamento, a vítima, ainda segundo fontes, já teria procurado o Ministério Público, a Delegacia, a Secretaria de Políticas para Mulheres da Presidência da República, a Comissão de Direitos da Mulher da ALERJ e outros canais de denúncia, para registrar queixa. 

Vale lembrar que assédio sexual é crime. De acordo com informações, o acusado já teria um histórico neste sentido: outras três colegas teriam sido assediadas pelo mesmo procurador e o caso pode virar um escândalo se confirmado. A conferir!

%d blogueiros gostam disto: