Loading...
TCE

Coronavírus: Macaé deve começar a cobrar dívida ativa milionária de ex-secretário de Saúde para investir em testes, máscaras e respiradores

Em decorrência das medidas de combate ao coronavírus, o Governo de Macaé deve começar a cobrar em dívida ativa recursos de multas do TCE relacionadas à Saúde. E na lista de devedores, o ex-secretário, Flavio Antunes, deverá ter que devolver mais de R$ 2,8 milhões aos cofres do município.

A dívida existe em virtude de tomada de contas realizada pelo TCE na gestão da OS Espaço Produzir na época em que o médico foi secretário de Saúde (2013/2014). Com este montante, a Prefeitura deverá adquirir novos respiradores, máscaras e luvas descartáveis para profissionais que estão na linha de frente de combate ao Covid-19.

Vale destacar o empenho do prefeito, Dr. Aluizio (PSDB), pioneiro nas ações frente à crise provocada pelo coronavírus, que todo o Governo vem se debruçando para reforçar o orçamento da saúde municipal.

%d blogueiros gostam disto: