Loading...
Coronavírus

Com R$ 650 milhões no caixa da Saúde, Macaé vive crise de falta de gestão em plena pandemia

Imagine uma cidade bilionária em que apenas o orçamento da Secretaria de Saúde seja maior que o de 70% dos municípios brasileiros?! Certamente neste lugar, você deve estar pensando, não falta estrutura hospitalar, médica e de aparelhos (como respiradores) para atender a população durante a pandemia, certo?! Errado…

Apesar de estar bem longe do caos em número de internações e mortos por Covid-19, Macaé tem dinheiro de sobra para enfrentar a pandemia. A compra respiradores, por exemplo, se houvesse interesse do Governo, não seria problema com o volume de recursos existente para utilizar apenas na Saúde.

Mas, ao invés disso, o prefeito, Dr. Aluízio (PSDB), quer fabricar estatísticas que justifiquem as medidas impopulares que, além de causarem milhares de demissões e centenas de falências no município, colocaram ladeira abaixo o que restava de sua aprovação política.

Iniciou (pasmem!) o que o próprio Governo chama de ‘busca ativa’ por pessoas com coronavírus nas barreiras sanitárias. Em outras palavras, mesmo assintomáticos, os macaenses podem começar a ver os números inflarem e isso servirá para que Dr. Aluízio – reconhecido como um estrategista político – retome o discurso do caos. A conferir!

%d blogueiros gostam disto: